ESTRUTURA FÍSICA


        O curso de Zootecnia da UFRA conta com uma diversa estrutura física, com um prédio próprio com salas de aulas, auditório, laboratório, além de setores de produção que são utilizados nas aulas práticas. Ainda fazem parte da estrutura, e que auxiliam na formação dos alunos do curso, laboratórios da Medicina Veterinária do Instituto da Saúde e Produção Animal (ISPA), laboratórios do Instituto de Ciências Agrárias (ICA), do Instituto Socioambiental e dos Recursos Hídricos (ISARH) e do Instituto Ciber Espacial (ICIBE), todos da UFRA - Belém.

Prédio principal da Zootecnia

       

 

 

 

 

 

 

 

       Estão localizados no prédio principal da Zootecnia, 08 gabinetes de professores, 04 salas de aulas, 01 auditório, 01 biblioteca setorial/sala de informática, 01 hall para convívio dos discentes, 01 laboratório de nutrição animal (LABNUTAN), 01 secretaria e 01 sala da coordenação do curso.

      Todas as salas de aulas utilizadas pelo Curso apresentam Datashow interativo, quadro branco e climatização através de splits, além de wi-fi disponível aos alunos e docentes.

       O auditório possui capacidade para 100 pessoas e possui Datashow interativo e televisor de 60". São realizadas no auditório, palestras, defesas de dissertações, teses e TCC.

   Na biblioteca setorial e sala de informática da Zootecnia são encontrados acervos de livros, apostilas, revistas e anais de congressos relacionados à Zootecnia, com objetivo de complementar a literatura da biblioteca central da UFRA. Conta ainda com 08 computadores conectados na internet para uso exclusivo dos discentes. Para ter acesso ao acervo clique Aqui.

    O hall de convívio dos discentes é um local de encontro e de espera entre uma aula e outra, onde a interação é constante. Possui mesas e cadeiras sendo todo o ambiente climatizado através de splits.

     O Laboratório de Nutrição Animal (LABNUTAN) conta com uma infraestrutura constituída por quatro complexos (Análise quantitativa, Análise qualitativa, Análise de minerais e Análise microbiológica) e possui normas específicas para sua utilização (Clique AQUI). Todas atividades no laboratório são acompanhadas por dois técnicos que auxiliam tanto os professores em aulas práticas quanto os alunos nas análises laboratoriais. Abaixo estão listados os equipamentos do LABNUTAN:

  • Complexo de Processamento de Amostras

    • Moinho de bola

    • Moinhos de faca

    • Estufas de ventilação forçada

    • Freezeres horizontais

    • Bomba calorimétrica

    • Equipamento de digestibilidade in vitro

    • Autoclave

    • Estufas de culturas microbiológicas

 

  • Complexo de Análise de Minerais e NIR’s

    • Absorção atômica (análise de minerais)

    • Equipamento de Infravermelho Próximo (NIR)

    • Banho maria

    • Estufas 105 graus

    • Centrífuga

  • Complexo de Análise de Produtos de Origem Animal (POA)

    • Liofilizador

    • Ultrafreezer

    • Drip Teste

    • Moedor de carne

    • Serra Fita

    • Microscópio

    • Ekomilk (analisador de leite)

 

  • Complexo de Análise Quantitativa

    • Equipamentos Kjeldahl (Nitrogênio)

    • Soxhlet e Ankon (Extratores de Gordura)

    • Ankon para Fibras (FDN, FDA)

    • Analisadores de Fibras

    • Centrífuga refrigerada

    • Muflas

    • Estufas 105 graus

    • Destilador de água

    • Dessecador a vácuo

       

       Ainda sobre a infraestrutura, temos os seguintes setores:

- Fábrica de ração: equipada com equipamentos para confecção de rações, como moinho e misturador, e um moderno sistema de extrusão, possibilitando a confecção de rações para várias espécies animais. A fábrica serve ao ensino e treinamento na área de nutrição animal e fabricação de ração, bem como de apoio as ações de pesquisa e extensão.

- Setores produtivos:

1- Unidade de bubalinocultura leiteira: setor de produção de bubalinos, provido de área de pasto e várzea, curral para manejo dos animais, curral e sala de ordenha mecanizada. Servindo as aulas práticas de produção de bubalinos, sanidade e reprodução, bem como apoio as ações de pesquisa, PIBIC, mestrado e doutorado,  e extensão, como treinamentos dos discentes de graduação.

2- Setor de suinocultura: apresenta um sistema de produção de suínos em confinamento, simulando a produção comercial, e servindo as aulas práticas de zootecnia de não ruminantes, sanidade e reprodução. O setor ainda recebe bolsistas e treinandos do curso, permitindo maior vivência e prática na criação de suínos.

3- Setor de avicultura: composta pelas áreas de avicultura de corte, equipado com moderno galpão de produção de frangos, e avicultura de postura, produzindo ovos vermelhos e brancos em sistema de gaiolas. No setor são desenvolvidas práticas de avicultura, nutrição, sanidade e ambiência e bem-estar animal. O setor também propicia vagas de PIBIC e treinando aos discentes do curso, e seve de apoio as ações de pesquisa e extensão.

4- Setor de Cunicultura: apresenta produção de coelhos de diferentes raças em sistema de gaiolas para apoio as ações de ensino nas disciplinas de cunicultura e zootecnia de não ruminantes, além de apoio as ações de pesquisa e extensão.

5- Curral de Semiologia: curral equipado com tronco de contenção servindo as práticas de semiologia veterinária, reprodução e sanidade. Consta ainda com 10 bovinos utilizados nas atividades práticas das diferentes áreas.

6- Setor de Forragicultura e Nutrição de Ruminantes: Setor atualmente em construção, com sala para processamento de amostras e sala de estudos, área com canteiros agrostológicos para aulas práticas, e área de pastagem para experimentação científica.

       Além da estrutura do prédio da Zootecnia, outras áreas e laboratórios da UFRA atendem a demanda do curso:

 

 INSTITUTO DA SAÚDE E PRODUÇÃO ANIMAL (ISPA)

-  LABORATÓRIO DE TOXICOLOGIA: destina-se ao atendimento acadêmico prioritário (graduação e pós-graduação) da UFRA, atendendo as aulas práticas da disciplina de Toxicologia e plantas tóxicas, com capacidade de atendimento de 60 alunos por turma, com 54,37 m², com realização de análises de metais pesados e análises histopatológicas.   

-  LABORATÓRIO DE REPRODUÇÃO ANIMAL: serve de apoio as aulas práticas com realização de exames Andrológico, apoio as técnicas de FIV- (fecundação Invitro), IATF- (inseminação artificial em tempo fixo) em parceria com a UFPA e CEBRAM, Ginecologia e Obstetrícia em animais de reprodução. Com capacidade de atendimento de 60 alunos, com 28,45m².

-  LABORATÓRIO DO SAGA: Assim como o laboratório de reprodução proporciona práticas aos discentes do Curso nas áreas de biotecnologia da reprodução. Com capacidade de atendimento de 60 alunos, com 55 m².

- LABORATÓRIO DE MICROSCOPIA ELETRÔNICA: Importante laboratório de moderna ação, possibilitando o desenvolvimento de pesquisa e treinamento na área de microscopia eletrônica de varredura, com 17,16 m².

-  LABORATÓRIO DE HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA ANIMAL: Com 144 m², atendendo 30 alunos por vez. Serve de apoio a realização de aulas práticas de técnica histológicas nas disciplinas de histologia e à pós-graduação no desenvolvimento de dissertações e teses.

-  LABORATÓRIO DE BIOLOGIA MOLECULAR: destina-se ao atendimento acadêmico prioritário (graduação e pós-graduação) atendendo as aulas práticas da disciplina de Microbiologia, com capacidade para extração de DNA e RNA, reação em cadeia medida pela polimetrias e (PCR) convencional (PCR) em tempo real, prova da Eletroforese e prova de Elisa.  Capacidade de atendimento de 20 alunos por turma, com 40,36 m².

-  LABORATÓRIO DE MICROSCOPIA E IMUNOLOGIA: Responsável pelas práticas de Microbiologia, com 42,14 m² e com capacidade de atendimento de 15 alunos por turma, apoia também as aulas práticas de imunologia

- LABORATÓRIO DE ZOOLOGIA: Provido de bancadas com capacidade de atendimento de 30 alunos por turma, medindo 56,22 m². Serve de apoio as aulas práticas de Zoologia e treinamento na área de preparação e conservação de material Zoológico.

- LABORATÓRIO DE ANÁLISE DE PRODUTOS DE ORIGEM ANIMAL: Neste laboratório são realizadas análises de salmonela, coliformes totais e termolerantes, estreptococos spp, fungos filamentosos e leveduras, além de análises de qualidade como acidez do leite, densidade, gordura, extrato seco total e desengordurado. Com capacidade de atendimento de 15 alunos por turma serve de apoio as disciplinas da área de tecnologia dos produtos de origem animal e inspeção animal. Possui área de 52,39 m². 

- LABORATÓRIO  MULTIDISCIPLINAR DE MICROSCOPIA: Esse laboratório destina-se ao atendimento acadêmico prioritário em apoio as aulas práticas de Histologia, Biologia Celular, e Botânica. Apresenta capacidade de atendimento para turmas de 30 alunos, com área de 85,14m². 

- LABORATÓRIO  DE FISIOLOGIA ANIMAL: Com capacidade de atendimento 30 alunos por turma, e área de 72.5m². Provido de bancada apoia as aulas práticas de fisiologia. Este laboratório será reformado em breve para ampliar as ações e técnicas de ensino, pesquisa e extensão.

- LABORATÓRIO ANATOMIA: Esse laboratório destina-se ao atendimento acadêmico apoiando diretamente as aulas práticas das disciplinas de anatomia, além de servir de apoio realização de pesquisas importantes na área de anatomia e células tronco. Tem capacidade de atendimento para 80 alunos, com 66,5m².

- LABORATÓRIO DE PARASITOLOGIA: destina-se ao atendimento acadêmico prioritário com capacidade de atendimento 30 alunos, 72m² .

- PROJETO CARROCEIRO: Com área de 293,93m², desenvolve importante papel social no atendimento de animais de tração, gerando oportunidades de treinamento aos discentes na área de equideocultura. Provido de baias para alojamento e contenção dos animais.

- FAZENDA ESCOLA DE IGARAPÉ-AÇÚ (FEIGA) é um pólo de apoio ao ensino, pesquisa e extensão da UFRA, com alojamentos com capacidade para 50 pessoas, refeitório, sala de informática, sala de aula, consultório veterinário e pátio de máquinas agrícolas. Recebe anualmente pelo menos 30 turmas de graduação dos cursos de Agronomia, Medicina Veterinária e Zootecnia dos diferentes campi, servindo de base principalmente para aulas práticas das disciplinas de Zoologia Geral e Aplicada, Forragicultura, Zootecnia de Ruminantes, Bovinocultura de Corte e de Leite e Apicultura. A Feiga dá suporte a experimentos nas áreas de forragicultura, ovinocaprinocultura, entomologia, produção de grãos e culturas industriais, olericultura e silvicultura. Quanto às atividades de extensão, são promovidos  dias de campo, atendimento médico veterinário e treinamento de produtores em parceria com a Embrapa e o Senar, sempre envolvendo os alunos da graduação e pós-graduação. Atualmente recebe ações de grupos de pesquisa, como o Gerfam e o CPCOP.

INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS (ICA)

  • LABORATÓRIOS DO SETOR DE CIÊNCIAS DO SOLO (Química e Fertilidade do Solo, Nutrição de Plantas, Microbiologia do Solo e Física de Solos).

Esse conjunto de laboratórios possibilita estudos da composição e propriedades de solos e da nutrição de plantas cultivadas.

  • LABORATÓRIO DE BOTÂNICA/SISTEMÁTICA VEGETAL (LABOSIS): Juntamente com o Herbário Felisberto Camargo este laboratório dá suporte às aulas práticas das disciplinas Botânica e Sistemática vegetal.

​​

  • FISIOLOGIA VEGETAL (LAB-FV/ICA): O laboratório está equipado de modo a permitir a realização de aulas práticas sobre diversos temas relacionados à fisiologia vegetal.

  • GEOPROCESSAMENTO (LABGEO): O laboratório está equipado com 45 computadores nos quais estão instalados solfwares que permitem a aprendizagem dos alunos.

         Além desses laboratórios ainda estão disponíveis para atendimento das aulas práticas do curso os laboratórios de Aquicultura tropical; Húmus e Ecologia Química; Modelagem Hidroclimática da Amazônia; Ciências Ambientais; Ciências e Tecnologia de Alimentos; Processamento Mínimo (LPM/ICA); Entomologia (LABEN); Microbiologia (LABMICRO) e Zoologia.

 INSTITUTO SOCIOAMBIENTAL E DOS RECURSOS HÍDRICOS (ISARH)

  • QUÍMICA ANALÍTICA E BIOQUÍMICA: Esse laboratório atende as aulas práticas das duas disciplinas.

  • FAZENDA ESCOLA DE CASTANHAL: situada a 53 km de Belém, tem estrutura para alojar 70 alunos e oferece oportunidade para estudos em fruticultura, produção de mandioca, milho e caupi, SAFs, irrigação e drenagem, produção de farinha, piscicultura e apicultura (africanas e sem ferrão) e agrometeorologia. Por dar acesso fácil a áreas de grandes, médios e pequenos agricultores, o curso tem usado a Fazenda como base para visitas e para atividades integradas e concentradas de disciplinas do mesmo eixo temático ou afins. Em função da proximidade com assentamentos e comunidades quilombolas, os aspectos humanísticos, também são trabalhados.

 

Avenida Presidente Tancredo Neves, Nº 2501 Bairro: Terra Firme  Cep: 66.077-830 Cidade: Belém-Pará-Brasil

©2017 by Zootecnia - UFRA. Proudly created with Wix.com